Editorial: Troque seu egoísmo por altruísmo

Na última semana, a população começou a ter noção dos tempos difíceis que virão nos próximos meses. Com a economia paralisada todos perderão ainda mais se nada for feito.


Grandes empresários perderão parte de seus lucros, trabalhadores perderão sua renda e até seus empregos se nada for feito para conter o impacto na economia.

Mas o caos mesmo será sentido por quase 50 milhões de brasileiros autônomos e microempreendedores individuais, pessoas cuja renda é obtida no decorrer do mês e que a soma não lhes permitiu acumular reservas. Estes estarão completamente desamparados se nada for feito.

Estamos sofrendo os reflexos de um problema de saúde pública nunca antes visto na história da civilização moderna. As medidas de isolamento são as únicas ferramentas disponíveis para frear a contaminação e manter a capacidade do Sistema de Saúde.

Diante desta triste situação, políticos e governantes oportunistas se aproveitam da fragilidade e do medo para antecipar suas campanhas políticas. A estratégia cruel destes oportunistas é colocar os diferentes setores da sociedade uns contra os outros. Para que esqueçamos os verdadeiros responsáveis: Políticos e Gestores Públicos.

Empresários dos setores mais afetados estão preocupados com a saúde financeira de suas empresas, pois sabem que muitas não sobreviverão aos meses de paralização. Eles têm razão!

Do mesmo modo, trabalhadores temem a perda de seus empregos e sua renda. Eles também têm razão.

O momento pede união, pragmatismo, lógica e ciência.

O isolamento é sim a única solução para conter o avanço da pandemia e preservar a capacidade do sistema único de saúde. É a única medida possível para salvar vidas.

Seguindo um raciocínio lógico muito simples: se o governo não pode permitir o funcionamento das atividades econômicas com segurança, logo este mesmo governo é o único responsável por indenizar empresários e trabalhadores por suas perdas.

Outros países estão tomando medidas muito mais significativas e humanas diante desta situação, o Brasil não!

Nayib Bukele - Presidente de El Salvador

O presidente de El Salvador, Nayib Bukele, cujo discurso inspirador está viralizando na internet, decretou uma série de medidas que estarão vigente durante os próximos três meses:

- Suspenção das cobranças de Energia, Água, Gás, Internet, Tv a Cabo e Telefone.

- Suspensão da cobrança de aluguéis residências e comerciais.

- Suspenção do pagamento de financiamentos e empréstimos tanto de pessoas físicas quanto jurídicas.

- Suspensão dos pagamentos das parcelas de crediário (Compras parceladas no varejo).

- Suspensão do pagamento de financiamento de veículos e imóveis.

- Congelamento dos preços de itens da cesta básica.

Estas são medidas sensatas e responsáveis que atendem a todos os setores da sociedade de forma igualitária e minimizam a perda de todos. Isso não é caridade, é responsabilidade pública diante de um problema público.

Num trecho de seu pronunciamento, Nayib Bukele diz que alguns empresários bilionários são contrários às medidas, argumentando que perderão 10, 15 ou 20% de seu capital acumulado. Para esta minúscula parcela da população ele responde:


- “Vocês têm dinheiro para viver 10 ou 20 vidas e nunca terão tempo para gastar todo esse dinheiro”

Em outro trecho o presidente de El Salvador diz: “O único remédio que temos para enfrentar este vírus é a SOLIDARIEDADE”

Confira abaixo o pronunciamento completo:

Enquanto isso nosso governo faz piada diante da situação enquanto o povo se enfrenta.

Estamos vivenciando uma antecipação da campanha eleitoral, uma politicagem barata que beira o sadismo e a insanidade como fica explícito no pronunciamento do Sócio de Luciano Huck na rede de restaurantes Madero, Junior Durski: “…não podemos parar por conta de 5000 pessoas ou 7000 pessoas que vão morrer… 

Só sobreviveremos a este momento e ao que está por vir se formos altruístas.

Empresários e as pessoas mais esclarecidas, precisam assumir a liderança para unificar a sociedade e juntos cobrar do único responsável: o governo federal - Uma solução boa para todos.

Por isto neste momento precisamos urgentemente substituir nosso egoísmo primitivo por altruísmo.

A solidariedade é o único remédio. Toda vida importa!

O conteúdo que interessa por Douglas Ferreira e Hugo Alencar. Estilo de Vida; Mindfullness; Arquitetura; Gastronomia; Entretenimento; Moda; Cultura e Tecnologia.

 

A revista Jurerê é hipersegmentada para o público de alto padrão.

logo-hd-png.png
ed14site.jpg

Clique na capa para fazer o

download da edição desejada e boa leitura!

capa-media.jpg
capa12site.jpg
ED11mini.jpg
ED10-capa-web.jpg
JM9low.jpg